Uma empresa indiana de arquitetura, com sede em Nova Délhi, apresentou uma ideia inovadora- utilizar cones feitos de argila para estabelecer um sistema de ar condicionado eficiente, de baixo custo financeiro e de energia.

O projeto inovador é do Ant Studio que criou um aparelho tão somente para resolver o problema do calor que saia do gerador de uma empresa em Délhi. Isso porque a quantidade de calor que estava saindo da entrada localizada na parte externa da fabrica estava prejudicando o desempenho nas produtividades dos trabalhadores. De modo que ele esquentava a calçada e a parte de fora do prédio, acrescentando cada vez mais a carga de ar condicionado do prédio.

Por essa razão , a solução foi pensar em uma atitude sustentável e de baixo custo. Com isso a equipe da Ant Studio resolveu utilizar um método egípcio mais antigo de resfriamento evaporativo para liberar uma substancia barata e efetiva. Esse  método consiste em  usar um princípio da termodinâmica, que quando o ar passa de uma abertura máxima para um menor, ele abafa calor.

Para que compreenda essa estratégia é necessário realizar testes: bote a mão na frente da sua boca e libere o ar com a boca aberta. Você irá perceber um calor. Agora repita a ação, assoprando, com os lábios quase fechados. Você vai perceber a diferença .Innovative-cooling-installation-in-New-Delhi-11-1020×610.

Contudo, devemos atentar que esse sistema somente é eficaz quando está congregado a mecanismos de ventilação e ao ar quente. De maneira que o ar quente, que é impelido para dentro dos cones, sairá mais ventilado após passar por eles. A água evaporando e a cerâmica ajudam no resfriamento. De fato, os arquitetos instalaram o equipamento na saída de ar do gerador de energia.

O design utilizado foi o exemplo de uma coméia, empregando cones de cerâmica. A configuração e  a dimensão dos componentes cônicos foram desenhados através de análises computacionais. A geometria dos potes e a forma empilhada harmonizaram uma área de superfície maior para o resfriamento, garantindo que o ar não torne a entrar no gerador.

Depois da instalação, verificou-se que o ar abrasador que passou por ela estava acima de 50oC. A água, utilizada é reciclada da fábrica, circula em temperatura ambiente pelos cilindros com a auxílio de uma bomba, entretanto o procedimento ainda pode ser realizado manualmente. Durante as avaliações, depois de chegar o resultado de resfriamento, a temperatura em torno do equipamento caiu para 36oC, e ao mesmo tempo a temperatura externa se manter em 42oC. Desse modo  percebeu-se ainda que a temperatura desaba de 6 a 8 graus em torno da instalação quando a temperatura atmosférica está acima de 40 graus.

Esse recurso de baixa energia e custo-benefício é simples de construir e aprovisiona resfriamento em ambientes externos, de maneira especial em instalações industriais ao ar livre em clima quente e seco. As avaliações ainda estão sendo mais detalhadas para descobrir se esse tipo de instalação pode ser aplicada em áreas internamente e como projetar uma adaptação ao ambiente interno.

Este artigo foi publicado originariamente no site- Ciclo vivo, e foi reproduzido adaptado por equipe do blog cantinho.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here